05) Mestrado em Administração dos Serviços da Saúde na Argentina

Turmas novas:

17 de julho a 01 de agosto de 2017

Objetivos e proposta do Mestrado em Administração dos Serviços da Saúde

O mestrado em Administração em Serviços da Saúde tem como missão formar profissionais que ocupem com solidez posições gerenciais, fornecendo conhecimento e auxílio no desenvolvimento e na qualificação profissional e competências de gestão necessárias para o setor de saúde. O Mestrado na modalidade intensiva foi formatado a pedido do IESLA para atender às necessidades dos alunos brasileiros.

Metodologia

Para aprimorar os conhecimentos e as habilidades analíticas será utilizado o método de estudo de casos. Assim se contextualizará o conteúdo teórico com a finalidade de desenvolver as habilidades cognitivas e interpessoais para a resolução de problemas que serão fortalecidas através dos trabalhos em grupo, apresentações e workshops. Os alunos participarão de cursos, seminários, conferências nacionais e internacionais através de bolsas e convites específicos. O mestrando será levado a desenvolver um projeto de investigação que contemple a análise diagnóstica e terapêutica, qualitativa e quantitativa de um problema administrativo na área da saúde, de preferência um projeto viável para implementação ante um caso concreto

Público Alvo

O mestrado destina-se a graduados nas modalidades bacharelado ou licenciatura nos cursos de medicina, enfermagem, nutrição, odontologia, dentre outros da área da saúde em geral; economia, administração de empresas, contabilidade, engenharia, arquitetura, direito e demais cursos da área da administração em geral; sociologia, psicologia, psicopedagogia e demais graduados que estejam ou pretendam estar envolvidos na administração dos serviços da saúde.

Requisitos para a pós-graduação

Entre o que se requer do mestrando estão incluídas as avaliações parciais e finais das disciplinas ministradas, presença mínima de 75% em todas as disciplinas, validação das horas de tutoria e apresentação e defesa da dissertação ou projeto final.

Campo de atuação

Espera-se produzir um profissional com condições de resolver problemas de planejamento e capaz de tomar decisões acertadas devido a seu profundo conhecimento dos problemas e das condições operacionais em qualquer das áreas de atuação no campo da saúde. Dentre outros, estes profissionais serão demandados para cargos estratégicos e altos e médios níveis gerenciais em hospitais, empreendimentos de saúde pré-paga, para obras sociais, hospitais, sanatórios, geriátricos, sistemas ambulatoriais, laboratórios, serviços de diagnóstico, entidades financiadoras de saúde públicas e privadas, universidades, escolas de saúde, etc.

Modalidade do Curso e Horário

O Mestrado tem uma carga de 540 horas divididas em quatro módulos quinzenais, que acontecem de seis em seis meses. O curso é, portanto, presencial, com uma freqüência quinzenal, de segunda-feira a sexta-feira de 08h30min às 19h (com intervalo para o almoço) e sábado de 08h às 13h, sendo ministrado na sede da UCES, em Buenos Aires. Ao final do curso o aluno tem dois anos para desenvolver uma tese sobre tema pertinente, para defesa perante banca em época oportuna.

Conteúdo Programático

O programa de mestrado em administração dos serviços de saúde está estruturado em módulos.

Primeiro semestre
  • Introdução à administração sanitária
  • Análise epidemiológica e métodos de pesquisa em saúde
  • Introdução aos sistemas de informação
Segundo semestre
  • Economia da saúde
  • Administração das instituições de saúde

Workshops:

  • Qualidade total em serviços da saúde
  • Planos de saúde
  • Segurança social
Terceiro semestre
  • Contabilidade e finanças
  • Gestão estratégica e marketing em saúde
Quarto semestre
  • Organização de serviços de saúde
  • Gestão de qualidade em saúde
  • Gestão de custos em saúde

Título outorgado

Mestre em Administração de Serviços da Saúde.

Direção acadêmica

  • Dr. Jorge Daniel LemosDoutor em medicina pela UBADiplomado em administração de serviços de saúde e Doutor em saúde pública pela USAL.Professor titular regular de saúde pública.Diretor do departamento de saúde pública.Presidente da Sociedade Argentina de Administração e Organizações de Saúde e Saúde Pública.Diretor do Hospital Fernandez.Subsecretário de Cuidados Médicos/MSASMinistro da Saúde/GCBA.

Coordenação Acadêmica

A orientação no Brasil está a cargo do Promotor de Justiça Joaquim Miranda, Corregedor Geral do Sistema Penitenciário Federal. Mestre, Doutor e Pós-Doutorando em Direito.

Processo de Seleção

Os interessados devem preencher o formulário de inscrição e anexar o currículo completo para análise, aos cuidados da Dra. Sara Bernardes, expondo a razão do seu interesse no doutorado e informando disponibilidade para entrevista, que poderá ser dispensada, excepcionalmente, à vista da documentação apresentada.

Documentação Necessária

(I) Currículum vitae completo, e ficha UCES preenchida.
(II) Carta do candidato à UCES, expondo a razão do seu interesse no curso e solicitando sua admissão no programa de Mestrado;
(III) 4 fotos 3×4 (coloridas e recentes)
(IV) 2 Fotocópias da carteira de identidade e cartão de inscrição no CPF autenticados;
(V) 2 Fotocópias da certidão de casamento autenticada em cartório para os casos de constar nome de solteiro (a) no diploma e no histórico de graduação;
(VI) 2 Cópias do Diploma de graduação autenticadas e com firma do Reitor (ou responsável que assinou o diploma) reconhecida em cartório;
(VII) 2 Cópias do Histórico de graduação autenticadas e com firma reconhecida da assinatura do responsável que assinou o histórico,
(VIII) Os documentos solicitados nos itens (VI e VII) deverão ser chancelados no MRE.
(IX) 3 vias do contrato de prestação de serviços devidamente preenchidas e assinadas.

Reconhecimento do título perante as instituições brasileiras

O diploma de mestre emitido pela UCES tem, no Brasil, a mesma validade de qualquer diploma oriundo das mais conceituadas universidades do estrangeiro. Todavia, estando a Argentina inserida, evidentemente, no âmbito do Mercosul, uma vez que o curso é regularmente reconhecido pelo governo Argentino – Parecer CONEAU n° 396/06, o graduado que se qualificar para o curso e concluí-lo com sucesso receberá o diploma de Mestre em Administração dos Serviços da Saúde, que no território brasileiro está regulado nos termos do Decreto nº 5.518, de 23 de agosto de 2005, do presidente República Federativa do Brasil que ratificou e fez incorporar ao ordenamento jurídico nacional o Acordo de Admissão de Títulos e Graus Universitários para o exercício de atividades acadêmicas nos Estados partes do MERCOSUL e prevê a admissão dos títulos de Mestre e Doutor perante as instituições de ensino brasileiras que possuam curso de pós-graduação avaliado e reconhecido pela CAPES.

Depoimentos de Alunos

Clique aqui e confira.

contato_iesla

© Copyright 2014 - IESLA Instituto de Educação Superior Latino Americano - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: CYB e Atonbox.